Com a “guerra” tecnológica instalada, a China não quer depender do sistema de navegação americano GPS e expande o seu serviço BeiDou para o ocidente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here